sábado, 3 de julho de 2010

Jamais desista

Eu estava no metrô esses dias, com o pensamento longe e compenetrado em meus problemas. De repente me aparece um gurizão entregando um cartão pra cada pessoa, qdo ele se aproximou de mim eu logo perguntei se tinha que pagar. Eu não estava a fim de comprar nada, ele mto gentil disse que pra ler eu não precisava pagar. Peguei o cartão e li, o texto não só me surpreendeu, como me comoveu. Qdo o rapazinho voltou entreguei o dinheiro e fiquei como cartão e novamente ele disse que eu não precisava pagar por ter lido e eu falei que fazia questão de levar o cartão pra casa. Agora divido com vcs esse texto ótimo pra se ler “naqueles dias”. Acho que vcs tb levariam o cartão pra casa.

"Hei vc que está aí, mto triste ou um pouco abatido, já parou para pensar que está assim pq quer?

Às vzs carregamos culpa por não termos aquilo que na verdade não precisamos ter, ou lutar por causas que não valem a batalha.

Na verdade a felicidade quase sempre está em nossa volta, só que ela é tão humilde que às vzs não a vemos, e que os maiores tesouros da vida não são coisas materiais, não importa quão difíceis sejam os problemas, sempre haverá uma solução e, na maioria das vzs, estamos tão próximos dessa solução, e por falta de força de vontade, deixamos de caminhar em sua direção.

Pessoas vêm, pessoas vão, mas o mais importante são as boas lembranças que delas ficam, assim como vc deixou boas lembranças em mtos corações, inclusive no meu, desejo que tenha mtos amigos, desejo que tenha pessoas que te amem ao teu redor e que possa amá-las. Mas se estiver só, desejo que tenha fé suficiente pra lembrar que não importa o que aconteça, Deus jamais te abandonará, para que entenda que, com isso tem td que precisa pra ser feliz e não esqueça, tb do qto eu acredito em ti, agora vá em frente e jamais desista." (por Gilberto Rumayor)